segunda-feira, 20 de junho de 2011

Como pode?

Você me deixa tão solta ao mesmo tempo que me deixa tão segura. Com você sou o que nunca sou com mais ninguém. Já me enganei tantas vezes e mesmo assim acredito que vale a pena acreditar em você.
Você que é o motivo pra eu lutar e não desistir na primeira dificuldade.
Você é minha razão de continuar, não de continuar viva, pois viva é o que mais gosto de estar.
Mas você é responsável pela minha qualidade de vida.